RESIDÊNCIA DE VERANEIO
 
Portas e janelas de vidro trazem para dentro de casa
a natureza e a bela vista da represa Nova Avanhandava,
e cria a atmosfera perfeita para os dias de lazer.
 
   Cercada por uma reserva de mata nativa e às margens da represa de Nova Avanhandava, no interior do estado de São Paulo, esta casa de 450 metros quadrados é perfeita para aproveitar ensolarados finais de semana, curtir a família e praticar esportes aquáticos.
   Responsáveis pelo projeto e construção, a arquiteta Juliana Soubhia e o engenheiro José de Salles Cunha criaram uma casa despojada que, atendesse todos os pedidos e necessidades do jovem casal de proprietários.
   Grandes vãos e paineis de vidro permitem que a bela paisagem se integre aos espaços internos e externos. Com isso, living, varanda e piscina se unem visualmente em um ambiente fluído, transmitindo amplitude e liberdade.
   Nos ambientes internos, a madeira é a matéria prima predominante. O pé direito duplo e o forro de tábuas de garapa pintadas de branco aumentam a luminosidade e o frescor natural. Os móveis e objetos de decoração com fibras naturais conferem leveza e descontração ao ambiente. Sobre a sala de tv, um mezanino com banheiro pode ser transformado em quarto de hóspedes, caso as três suítes da ala íntima não sejam suficientes.
   Na varanda, o telhado baixo diminui a incidência do Sol da tarde. Beirais amplos e telhas gigantes imprimem um ar rústico e aumentam o conforto térmico. Na piscina, uma pequena "ilha" divide a parte mais rasa e aquecida, reservada para crianças. Uma porta tipo camarão torna naturalmente funcional a ligação entre a cozinha e a área da churrasqueira, onde um forno de pizza completa o programa que a família queria. A cozinha também se integra ao living por dois passa-pratos, que também servem de balcão para refeições rápidas.
   O toque final fica por conta do paisagismo de plantas tropicais, que deixa a casa perfeita para receber os tons alaranjados que todo fim de tarde tingem o céu e as águas do lago.
 
O piso em arenito baiano não absorve calor e água, por este motivo foi escolhido para revestir o entorno da piscina adulta e infantil. O espaço foi revestido com pastilhas de vidro e são delimitadas por um jardim com patas de elefante e seixos, executado pela Vivendas Paisagismo. Na foto ao lado uma vista da fachada frontal com piso de tijolo ecológico;
 
Na área de lazer, o telhado
com beirais amplos diminui
a incidência do Sol
da tarde na varanda.
 
 
Na sala te tv, o piso de cerâmica (Casa dos Cosntrutores) e o forro de garapa pintada de branco (Só Tintas) clareiam o ambiente. As mantas de tear manual são da Terra do Sol. A iluminação é Ataluz.

O passa-pratos que integra a cozinha ao living também serve de balcão para refeições rápidas.Na área da churrasqueira e do forno de pizza (Conte Telhas e Pedras), a parede foi revestida com pastilhas de porcelana Jatobá.

No living aberto à paisagem da represa, o piso foi revestido com cerâmica Chiarelli (Casa dos Construtores). Telhas gigantes (Conte Telhas e Pedras) são sustentadas pela estrutura de garapa (Serraria São Sebastião de Cardoso). As portas com painel de vidro temperado (Vidrobens) integram as áreas internas e externas. Os móveis de Amapá e Rattan da Sierra acompanham a fluidez do espaço. Ao fundo as águas da piscina confundem-se com as do lago. O aquecedor solar (Sollar) garante o mergulho mesmo nos dias mais frios.

A mesa de madeira-de-lei veio da fazenda dos proprietários. Esteiras de palha da Costa compôem com pratos de cerâmica sousplat (Terra do Sol).

Abaixo o engenheiro José de Salles Cunha e a arquiteta Juliana Soubhia.

 
 
Casamix
 
VEJA MAIS FOTOS DESTE PROJETO